segunda-feira, 21 de maio de 2018

Sou poeta

 

Não tenho olhos charmosos

Não sou uma figura publica

Mas podia ser…

Porque não sei falar espontâneo

Porque sou um pensador.  

Tenho um pouco de social fobia…

Tenho um físico ideal

Minha forma de viver…

Conheci quatro exércitos

Três organizações humanitárias

Já naveguei e voei

milhares de quilómetros… 

tenho um coração mole

um amor mais humano

estou sempre pronto

para missões humanitárias.



Sou um trabalhador intelectual

Já trabalhei nas maiores empresas o mundo

E também nas médias empresas

Mas as médias foram as melhores…

Sou um poeta e um escritor não famoso,

Tenho um pouco de social fobia.

Só quando eu morrer então vou ser famoso.

Porque não gosto de enxergar publicamente

Não gosto de escrever belas palavras

Palavras que o povo não percebe.

Não gosto de ser mandado.

Tenho a minha forma de ser

Tenho a minha forma de amar

Muitos pensão que eu não amo.

Tenho a minha forma de enxergar o mundo

E tudo o que me cerca eu conecto eu amo.
Carlos de Pombal

domingo, 8 de abril de 2018

A única mulher


A única mulher
Tua presença é um presente para mim.
Tu és única mulher não há outra igual!
Tua vida pode ser o que ela seja.
Vivemos um dia, de cada vez.
Teus problemas também são os meus.
Nós superamos venha o que vier.
Dentro de ambos há muitas soluções.
Somos fortes. Não há limites.
Somente a morte é que nos pode vencer.

Sonhar é bom, realiza-los é melhor
Alcançar o máximo, nosso melhor
É o nosso prémio.
Nós somos a força da vida
quanto mais tempo pensarmos
 consomemos mais energia e difundimos
a través do éter os nossos sonhos, aos outros.

Queremos viver uma vida de serenidade
Lembra-te que a paixão nada vale
Paixão tem limites, vem e se vai.
O amor dura uma vida.
Lembra-te da amizade do amor!
O casamento é como uma sociedade.
Um investimento inteligente e sábio.
Nós somos o tesouro da vida.
Fazer coisas simples e de forma compreensíveis.
O amor é termos saúde, esperança e felicidade.
E nunca, jamais esqueças sequer tu és muito especial
o quanto tu és especial para mim!!
Autor: Carlos M. Pombal